Dias sem pornografia


quinta-feira, 3 de março de 2016

Estabeleça Metas Curtas


Encontrei um texto que se encaixa naquilo que sempre pensei quanto ao reboot: é preciso ter metas pequenas, pois as grandes tendem a ser desestimulantes e, além disso, quanto mais próximos estamos de cumprir uma meta, com mais afinco nos dedicamos a ela. Por isso você não deve mirar 90 dias, mas uma meta bem menor que isso.

Sabemos por experiência que o período mais difícil do reboot são os primeiros 21 dias. É nesse intervalo que a maioria das recaídas ocorrem e, superando-o, geralmente se consegue "engatar" o reboot de vez, conseguindo administrar mais facilmente as dificuldades posteriores.

Você pode ainda dividir 21 dias em 7 metas de 3 dias por exemplo, fica a seu critério. E quando completar 21 dias, esticar por exemplo a meta para 28 (quatro semanas), depois para 30 (um mês) e assim por diante. Depois de tanto dar pequenos passos, uma hora enfim o horizonte de 90 dias chegou.

O texto abaixo foi adaptado para nossos fins - o reboot - e é do livro "Treinamento prático em leitura dinâmica", do campeão de memorização Alberto Dell´Isola.
Metas bem definidas
"A definição de metas é primordial.
Diversas experiências já demonstraram que é muito mais fácil executar tarefas quando temos alguma meta ou objetivo bem definidos. Desse modo, quanto mais próximos estamos desse objetivo ou modo, mais rapidamente executamos nossa tarefa. Joyce Brothers, famosa psicóloga dos anos 1950, costumava dizer que uma meta bem definida se parece com um imã: quanto mais perto o ímã se encontra de um pedaço de metal, mais forte será a atração. Qualquer que seja a tarefa que você deseja fazer, você trabalhará de maneira mais eficiente e eficaz conforme for se aproximando do final da tarefa. Ou seja, quanto mais próximo do final da tarefa, mais rápido você trabalhará e estará sujeito a menos erros.
Uma experiência realizada sobre esse assunto teve como objeto de estudo um grupo de fazendeiros em um campo de trigo. Nesse grupo, todos eram igualmente capacitados para manejar uma foice e ceifar o trigo de maneira adequada. Dividiram-se os fazendeiros em dois grupos, cada qual trabalhando em um lado oposto do campo de trigo. Os dois lados do campo de trigo eram idênticos na forma e área, diferenciando-se apenas na existência de bandeiras vermelhas de dez em dez metros, ao lado de um dos campos.
Os dois grupos começaram a ceifar o trigo no mesmo instante e velocidade. No entanto, verificou-se que o grupo que trabalhava no lado do campo marcado por bandeiras trabalhava muito mais depressa. Além disso, quanto mais perto estavam de uma das bandeiras, maior era a rapidez e eficiência do serviço.
Para verificar a fidedignidade dos dados obtidos, a experiência foi repetida no dia seguinte invertendo-se os dois grupos. Dessa vez o segundo grupo, agora trabalhando no lado que continha as bandeiras, saiu-se bem melhor do que o primeiro.
Assim, verificou-se o poder que as metas têm sobre os indivíduos durante a execução de uma tarefa. Isso acontece porque sentimos certa exaltação ao percebermos que estamos nos aproximando de nossa meta. Desse modo, passamos a trabalhar de maneira ainda mais eficiente em direção à meta definida inicialmente.
Essa motivação no curso de aproximação de nossas metas já foi observada experimentalmente em ratos treinados a percorrer um labirinto em busca da saída. Esses ratos eram capazes de eliminar mais rapidamente as passagens sem saída no fim do labirinto que as passagens perto da entrada. Desse modo, ao atravessarem o labirinto, os ratos andam cada vez mais depressa, à medida que vão se aproximando da saída. Esse aumento de velocidade, devido à proximidade da meta, é conhecido como gradiente de meta.
Um exemplo comum de como opera esse gradiente de meta ocorre nas filas para shows de alguma banda conhecida. Dependendo da popularidade da banda, o público costuma chegar bem mais cedo que o horário de início do espetáculo. Todos esperam calmamente, até se aproximar a hora do início do show. Quando a hora do show começar se aproxima, as pessoas começam a se comprimir perto da entrada — embora saibam que não vão poder entrar naquele momento. Isso é um exemplo do gradiente de meta funcionando, enquanto o alvo se aproxima.
Motivação

Uma boa maneira de eliminar a procrastinação é fragmentar suas metas em objetivos menores. Desse modo, não veja todas as suas obrigações como apenas um grande projeto. Fragmente seus objetivos, projetos ou tarefas em partes pequenas. Estabeleça um prazo para cada parte."

17 comentários:

  1. fala magrao, comecei a acompanhar seu blog agora é descobri q sou viciado também é tenho o msm problema com vc em relação a disfunção eretil. Minha dúvida é a seguinte, eu tenho uma namorada e falhei com ela na hora H por conta desse vício em P , vc acha q se eu começar o reboot agora é mais fácil ou mais difícil namorando?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, eu acho bem mais fácil rebootar namorando. Pois nos momentos de dificuldade você pode praticar sexo com ela em vez de se masturbar.

      Excluir
    2. O problema é que eu n tô conseguindo praticar sexo, meu reboot tem apenas 12 dias, n estou com muitas esperanças, mas ouve uma melhora na ereção quando estou com ela, só q na hr de penetrar simplesmente perco a vontade (baixa libido) vc acha q meu caso tem jeito?

      Excluir
    3. Além da baixa libido, ocorre o nervosismo por ter falhado em tentativas anteriores

      Excluir
    4. Entendo. Seu cérebro precisa de tempo de descanso para se recuperar. Talvez a solução seja você ver menos vezes sua namorada. Isso você tem de ver como resolve. O que podemos assegurar é que quanto mais tempo de reboot, melhor. Já tive nessa encrenca várias vezes e já perdi muita oportunidade por estar nessa situação. Pode tentar dizer a ela que tá estressado talvez, mas que essa situação vai passar. Não sei. Isso vc tem de ver como ganha tempo. Mas acima de tudo não perca o que você já fez. Se já sentiu uma melhora com apenas 12 dias, imagine com mais tempo. Abraço.

      Excluir
    5. vejo ela só nos finais de semana. Eu gosto mto de estar com ela, ficar a sós e tal, só q na hora de ir pro gran finale, meu pau pode tá excitado dentro da roupa, o tempo de tirar já era, vai embora td aquele tesão. Só queria saber magrao, já q vc passou por isso, se esse reboot e como uma fórmula mágica.. eu ficar esses 90 dias e consegui me recupera desse pesadelo, que eu vou falar pra vc hein, tá fácil não, tem dia q eu choro irmão, n consigo me ver como homem... o problema, q pra mim esse reboot tá mto fácil ate agora(3 semanas antes de começar o reboot eu parei com pornografia pq sismei q era isso q me prejudicava quando tentava fazer sexo, porem fiquei na M dentre essas 3 semanas) e tô meio duvidoso com isso, tá mto facul pra mim controlar minha compulsão, você acha q eu nesse caso q estou, tenho esperanças com esse reboot?

      Excluir
    6. Se entendi, você ficou na masturbação essas 3 semanas? Eu desaconselharia, pois para grande parte dos rebooters reboot com masturbação não funciona, pois você utiliza pornografia interna (fantasias) em vez de video porno para se masturbar. Se seu problema for disfunção erétil induzida pela pornografia, o reboot serve sim. Agora tem que ver essa sua ansiedade, que também é um fator que atrapalha. Mas se você consumiu muita pornografia, provavelmente foi ela que te deu essa disfunção e abstendo-se de P e M, a coisa se resolve. Abraço!

      Excluir
    7. Não, entendeu o contrário.. Quando eu tentei tranzar com minha namorada, eu n consegui tranzar com ela, então percebi de alguma maneira q a pornografia me atrapalhava, então parei de ver vídeos pq eu tava desesperado por causa dessa situação q tive, mas mantive masturbação pq eu achava q qnt mais eu tivesse ativo em relação a MO melhor seria minha performance no sexo, achava q apenas a P era prejudicial, fiz um teste me envolvendo c minha namorada pra ver se eu me excitava de novo e nada ( não tentei transa, apenas vê se eu tava me excitando fácil com ela sem a P) então eu fikei desesperado até achar seu blog... comecei a ler tds os seus post, e descobri o reboot, de lá até aq já são 13 dias concluídos sem PMO, e pra mim tá sendo mto fácil, isso q me assusta. Acho q meu problema é com pornografia pq eu tenho acesso desde meus 13 anos e hj eu tenho 19. Eu já li sua história no fórum, e isso me deu mtas esperanças e parece q vc já passo por situações bem parecidas com a minha... e isso era td q eu precisava nesses momentos q passei, de alguém q entendesse perfeitamente uq tô passando, e me dizer uq fazer pra sair dessa.

      Excluir
    8. Sim, isso que você descreve aconteceu muito comigo, de não sentir nada, é a dessensibilização do vício. Mas manda ver. Faça o reboot e depois nos conte as melhorias que foi sentindo ao longo desse percurso. Boa sorte!

      Excluir
    9. Sakei! vlw ai magrao, td apoio cara, deu blog realmente me tiro do fosso. Vou dar continuidade como vc falou, depois eu falo aq de novo! abraço

      Excluir
    10. Olá anônimo, que bom que esta a buscar ajuda e muito mais por ser humilde e reconhecer que tem um problema serio que é essa praga de pornografia, li seus relatos e as respostas do Magrão. O que o Magrão passou e o que vc esta passando, eu também passei. Cara eu entendo sua preocupação, senti isso na pele, sofri demais por ter uma garota muito bela comigo e ser envergonhado por causa da disfunção erétil. Cara vc não faz ideia do terror que vivi por conta disso, falhei inúmeras vezes como te falei, uma mulher belíssima, cheirosa, carinhosa e série de qualidades que não convém citar. Pois bem mesmo se ela não fosse isso tudo, o problema não era ela, mas sim eu, acostumado todos os dias ver pornografia e se masturbar a hora que tinha vontade, dai isso agride nosso cérebro, e dai somente com um determinado tempo seu cerebro vai retomar as normalidades e dai vc vai ver o quanto isso vai ser gratificante.
      Tenha paciência cara e não desiste desse processo de restauração, e ainda digo mais, delete todas as fotos, vídeos pornográficos que vc tiver nos seus dispositivos. Delete e BLOQUEIE sem pudor TODAS as garotas sensuais e ou semi nuas do seu Facebook se caso tiveres, saia dos grupos do WhatsApp por que na maioria sempre rola conteúdos pornográficos, mesmo que seja de menos de 1minuto, evite o máximo de assistir vídeos de garotas dançando no youtube, evite masturbação e freie sua mente quando vier lembranças de cenas pornográficas que vc viu, evite até trair sua namorada com conversas e flertes com outras gurias nem que seja virtual. Evite culpar sua guria se não conseguir na primeira, na segunda, terceira vez rsrs.
      Fazendo isso vc vai curar seu cerebro e tenho certeza que com um tempo não longo vc vai sentir atração maior pela garota já que vc a gosta.
      Me revoltei CMG mesmo em ser inútil diante de uma mulher nua e ficar na frente de um vídeo me escravizando.
      Pois bem rapaz, faça isso que vc vai ter uma vida melhor e incomparável a que vc esta tendo devido essa PRAGA DE PORNOGRAFIA.
      Abraços e sucesso
      Sem problemas ou vergonha mostro meu rosto aqui.

      Excluir
  2. magrao para quem tá fazendo o reboot, escutar músicas com apologia ao sexo atrapalha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sinceramente não saberia responder isso. Mas me parece que essas músicas são uma 'pornografia auditiva', não? Pois deve envolver um fantasiar ali. Mas enfim... não saberia mesmo dizer. Na dúvida veja o impacto que tem em você.

      Excluir
  3. Cara faz mais de 15 anos que tenho esse vicio.
    Nunca fiquei nem 20 dias sem esse vicio.O maximo foi uns 7 dias.
    Vou tentar fazer uma meta de 21 dias ai volto pra contar como foi...

    ResponderExcluir
  4. fala brother, então começei o reboot também após ler sua história. A parti de ql dia começo a sentir diferença?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, pensando na minha experiência e na de outros usuários, eu acredito que em torno de uns 30 dias de reboot, talvez pouco mais, você já comece a sentir as benesses do abandono do consumo de pornografia, como a ressensibilização (você passa a sentir cheiros, gostos, etc), melhorias progressivas na ereção, concentração, etc etc. Boa sorte, amigo! E tome cuidado com os primeiros 21 dias. São os mais difíceis.

      Excluir